BLOG

Como a foto foi feita?

Trarei para discussão uma foto que sempre que posto nos stories ou no feed do meu Instagram, gera um monte de dúvidas: "como? como foi feito isso?". Pois é, senhoras e senhores, hoje contarei como fiz a divertida foto da Carol Garcia, a la morceguinha, de cabeça para baixo.

Carol Garcia

Carol não é uma modelo "normal". Ela tem os dois pés, as mãos, cabeça e o corpo todo na arte. Sempre que discutíamos a sessão, ela trazia as ideias mais diferentes do habitual, para servir como referência. Foi uma tarde de sábado, no edifício GERMAINE BURCHARD, no centro de São Paulo, ali do lado da rua Santa Efigênia. Foto vai, foto vem, em determinado momento, Carol me fala "ah, mas tá muito clichê!". Uma paulada na cabeça do fotógrafo, mas desafio dado, dentro de uma sessão, sempre me deixa mais animado. Também gosto de fugir do convencional. Carol me contou que gostaria de fazer uma foto pendurada em uma porta, de cabeça para baixo. Essa pose era nova, e necessitava de uma logística para subi-la no na porta e virada para baixo. Além disso, a foto tinha que ser executada rapidamente, pois as pernas dela doíam em ficar no topo da madeira e havia o risco dela não aguentar e poder cair de cabeça no chão.


Não queríamos ela caindo de cabeça, então primeiramente pedi para ela ficar em pé, em frente à porta, para eu fazer a fotometria. Tava com 35mm Sigma ART, e escolhi mais uma vez f 2.8, 1/125s de velocidade, ISO 500 e flash pro teto. Tava meio escuro e queria eliminar a luz amarela da luminária do banheiro. Uma vez medido, chegou a hora da principal parte, colocar nossa guerreira na posição. Carol tem facilidade em "plantar bananeira", tanto que uns cliques antes, fizemos a foto abaixo. Outro registro também é inusitado, pelo fato da pose, e por estar na varanda, próxima ao parapeito, no sétimo andar do edifício.

Carol na bananeira

Carol estava acompanhada de um amigo (que infelizmente não me recordo o nome) e por sorte, ele era forte. Ela fez o apoio de mão em frente à porta, e o amigo dela a pegou pela cintura e a levantou, de modo que ela conseguisse prender as perninhas em cima. Ele se afastou só o suficiente para não aparecer na composição, mas estava a menos de um metro dela, para caso ela pedisse socorro. Ela colocou a mão no rosto, fez cara de plena (embora estivesse fazendo força) e clique! Foto feita. Avisei que a foto tava pronta, o amigo dela já a segurou, e a ajudou a descer.


Uma foto clássica e curiosa, do meu portfólio, que só foi possível de se fazer graças a ousadia e coragem da modelo Carol Garcia. Agora, você já sabem como foi feito. Se for tentar em casa, não se esqueça: segurança em primeiro lugar, tenha sempre alguém bem perto para segurar a modelo em caso do pânico.


#comoafotofoifeita #carolgarcia #sãopaulo

Fernando De Santis - Todos os direitos reservados

fotografia | sensual | ensaio